Caro Associado

O ano de 2019 ficará na História como o ano COVID-19, o último da lista dos surtos mundiais desde a Peste Negra ( 1347-1352 ). Todos eles ceifaram milhões de vidas em todo o mundo. Este ano não será diferente.

Apesar dos avanços científicos e tecnológicos que hoje existem, a Humanidade vive em pânico com a falta de soluções. Uma “simples” vacina desafia o progresso, tornando a sua descoberta o maior desafio da ciência moderna na área da saúde pública.

Uma vez mais o Homem não passa de uma simples fragilidade na Natureza que o criou.

Perante este cenário, não arrisque umas FÉRIAS como sempre fez em anos anteriores. Somos pessoas de risco. Os mais vulneráveis. Juntar familiares e amigos e gozar um tempo de relaxamento e diversão, talvez só em 2021.  Nesta altura todas as regiões do país são problemáticas, por isso não arrisque. Ficar em casa continua a ser ( infelizmente ) a melhor solução.

Há vida para além desta pandemia. Por isso há que seguir, com escrupuloso rigor, todas as indicações que diariamente nos são fornecidas pelas entidades competentes, em particular a OMS.

Este ano não podemos abraçar, beijar, conviver em grupo. É um Ano Triste.

Em 2021 faremos a compensação em dobro. Queremos que seja um Ano Feliz.

Desejamos a todos uma autêntica tranquilidade familiar.

A Direcção